Seguidores

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Capítulo 9

(...)
Mais tarde na casa de Denise e Paul, Dani e Kevin já haviam ido embora e Nick já tinha ido deitar
Denise: Joe querido já preparei seu quarto.Demi e Nina ficarão no quarto ao lado.
Joe: Mãe, eu pretendia dormir em casa.
Denise: Querido, eu sei mas agora seu pai e eu queremos falar com você e com a Demi.
Joe: Bem, já esperávamos por isso.
Os quatro sentam-se no sofá, com Valentina no colo de Joe.
Paul: Denise eu e fomos a vida inteira à favor, do sexo depois do casamento e filhos dentro do casamento. E agora, vocês estão divorciados e com um filho à caminho, salve o fato de terem concebido ainda no casamento, embora Valentina não tenho nem 6meses ainda. O que pretendem fazer?
Demi: Como assim, “O que pretendemos fazer?” ?
Denise: Demi, eu digo. Vcs pretendem se casar de novo, ou voltar a morar juntos.
Jemi: Mas O QUÊ?
Joe: Não mãe, isso não pode mais. Seria tolice. Uma total burrada. I mean, casar de novo não rola.
Demi: Denise, se quiser eu volto a morar em L.A de novo mas casar e morar, sem chance.
Paul: E por que não?
Joe: Existe outra pessoa envolvida nisso, Blanda. Ela não tem culpa do que está acontecendo. Mesmo que eu e Demi voltássemos a morar junto sem contato algum não seria justo com ela.
Paul: Filho, a vida não é justa.
Demi: Mas tem outra pessoa envolvida. Queremos ou não Joseph namora com ela, e eu acharia desrespeitoso contra ela isso.
Denise: Existe, existe sim outra pessoa envolvida, outras várias pessoas envolvidas. Essas pessoas se chamam: Davi Lovato Jonas, Joana Lovato Jonas, Valentina Lovato Jonas e bebê Lovato Jonas. Paul disse que a vida não é justo, e não é mesmo. Joe disse que não é justo com Blanda, talvez não seja. Demi disse que seria um desrespeito, mas não é pois vocês estão separados.
Joe: Continua sendo injusto com a minha namorada.
Denise: É mesmo? E por acaso é justo com os seus filhos? Por favor, Joseph. Qualquer coisa grotesca que vocês fizerem nessa vida reflete neles, eles mal sabem, se defender. Com eles, e APENAS com eles isso tudo não é justo. Blanda tem idade para entender, mas e Davi? E Joana? E a Valentina? E esse bebê que está a caminho?! Com eles isso tudo é injusto, sempre foi. Eles nem sabe o que é pais separados, vocês não notaram?! Eles tem vivido como se vocês morassem longe por causa do trabalho de cada um. Joe, meu filho eu não te peço diretamente para terminar com Blanda mas levar os teus filhos em consideração. Demi, não te peço para voltar a morar em Los Angeles mas sim para pensar no que é melhor para as crianças. Eu amo TANTO vocês dois, amo DEMAAAIS.*Denise senta-se entre os dois no sofá* Vocês viram as perfeições que vocês fizeram e trouxeram à nossa família?! Olha a Nina, acho que nunca vi criança mais linda que ela. E Davi então? Menino meigo e esperto, já Joaninha acho que SEMPRE será a princesinha da casa. E esse que está a caminho, vai ser tão lindo quanto os irmãos. Demi e Joe, meu amor por vocês é demais, Joe é meu filho e Demi como se fosse minha filha; eu só quero agora que pensem nos meus netos, nos filhos de vocês. Embora nada seja justo para nós, não podemos ser injustos com eles. Pensem nisso, boa noite. Demi o quarto já está pronto.
Denise: Obgd Denise. Vou dar um banho em Nina ainda.
Denise: Ok. Joe, auxilie a Demi no que ela precisar.
Joe: Tudo mãe.
(...)
Demi: Damm it.
Joe: O que foi?
Demi: Agora que eu lembrei, aqui não tem banheira de nenê, só chuveiro. Como vou dar banho na Nina?
Joe: Lá no meu quarto tem a de hidromassagem, dá banho nela lá. O que você acha?
Demi: É pode ser
(...)
Demi: Tina, tira a mão da boca filha
Demi insistia para a filha tirar o dedo da boca mas a pequena não estava nem ai. As mãos de Demi estavam molhadas e a pequena as vezes escorregava das mãos da mãe, Demi sentiu que se a filha escorregasse mais uma vez ia mergulhar inteira na banheira, Demi sentiu a filha escorregando mais uma vez e então se atirou para dentro da banheiro, o que causou em Joe um ataque de risos
Demi: Qual é a graça?
Joe: Você Demi, ela não ia afundar. Você é sempre tão desesperada quando o assunto é nossos filhos
Demi: Pq será né?!
Valentina ri
Demi: Ah, a mocinha tá achando graça?! Que legal.
Demi levantava e colocava ela de volta na água, e ela ria. Joe achando a cena um máximo tirou uma foto.
(...)
Após colocarem pijamas, Demi deu de mama para Valentina e Joe como de praxe tirou foto da filha, até quando ela dormiu.




“Estou alimentada e limpinha. Hoje com carinhos de papai e mamãe. Boa noite
J
Demi: Enfim dormiu, coisa gostosa de mamãe. *beija a testa da filha*
Joe: A cada dia que passa ela fica mais e mais linda, impressionante.
Demi: Tenho que concordar
Joe: Fizemos bem, muito bem. Vai dizer?
Demi: Tanto Nina quanto Joana e Davi saíram perfeitos, mas Nina surpreendeu.
Joe: Pois é a pratica leva à perfeição. Imagina como vai sair esse que ainda tá na barriga.
Demi: Esse? Ué, quem disse que será menino?
Joe: Vai ser sim, para empatar. Duas meninas e dois meninos
Demi: Ah claro, esqueci que você tem sexto sentido de pai.
Joe: Pois é, vou dormir. Qualquer coisa com ela me chama, ok?
Demi: Pode deixar.
         No meio da madrugada, Joe acordou com um choro de bebê fininho vindo de longe. Levantou-se e foi no quarto em que Demi estava. Ela não se encontrava lá nem Valentina, ouviu mais uma vez o choro fino e seguiu, desceu as escadas. Estavam na cozinha Demi tentando nanar Valentina à todo custo
Joe: Demi, o que aconteceu?
Demi: Eu não sei, ela chora muito. Eu fiquei nervosa.
Joe: Já tentou dar de mama?
Demi: Sim, ela apenas rejeita.
Denise: O que houve?
Joe: Valentina mamãe, só chora, não quer mamar.
Denise: Deixa eu ver *segura a neta*
Denise: Meu Deus, ela está ardendo em febre. Joe, leve ela AGORA para o hospital.
Joe: Vou levar
(...)

4 comentários:

  1. tadinha da Valentina :( espero que ela melhore! Joe e Demi tem que se acertar logo. POSTA LOGOOOO <3

    ResponderExcluir
  2. awn tadinha da valentina :( posta logo amando :)

    ResponderExcluir